Notícias Regionais

Universalização do tratamo do esgoto em Blumenau

Blumenau – O contrato de concessão assinado pela Prefeitura, através do Samae, e a Foz do Brasil – empresa líder do consórcio Saneblu e braço de engenharia da Organização Odebrecht, vencedor da licitação, visa a universalização do saneamento básico na cidade.

Com a concessão será possível a universalização do esgoto de Blumenau. Hoje, a maioria dos dejetos vai parar no rio Itajaí-Açu, poluindo não só o rio, mas os ribeirões e suas margens e os lençóis d’água.

De acordo com o IBGE, Blumenau teve, em 2008, 88 óbitos hospitalares decorrentes de doenças de veiculação hídrica. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), para cada real investido em saneamento básico, quatro são economizados em saúde pública.

A Foz do Brasil vai investir R$ 303 milhões, dos quais R$ 182 milhões nos cinco primeiros anos para criar a rede coletora e as estações de tratamento de esgoto necessárias à universalização do sistema na cidade. Além de melhorar a saúde pública e preservar o meio ambiente, as obras trarão emprego e renda, impulsionando a economia de Blumenau.


O contrato de concessão tem prazo de 35 anos. Após esse período, todos os bens com seus investimentos, como Estação de Tratamento de Esgoto, Redes Coletoras, Elevatórias de Esgoto, Interceptores e Emissários Finais retornam ao município.

Fonte: Assessoria de imprensa

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios