Notícias Regionais

Secretaria de Saúde esclarece dúvidas sobre a Nova Gripe

Videira – A Secretaria Municipal de Saúde de Videira está realizando um intenso trabalho de esclarecimento e conscientização à população sobre a infecção pela nova gripe (vírus influenza A (H1N1)) ou gripe suína, como é conhecida. “Embora não tenhamos casos registrados em nossa região, as pessoas estão aflitas, pois Santa Catarina já soma mais de 30 casos confirmados. Diante desse quadro estamos atuando no sentido de prestar esclarecimentos preventivos às pessoas”, explica o secretário de Saúde – Sandro Caregnato.

Os casos da Gripe A (H1N1) já somam 55.867 em 109 países, de acordo com o último boletim divulgado hoje pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O número de mortes aumentou para 238. No Brasil, o Ministério da Saúde registrou 94 novos casos da nova gripe — 334 no total. Os Estados mais afetados são: São Paulo (50), Minas Gerais (17) e Rio de Janeiro (13). No Rio Grande do Sul, 18 pessoas estão contaminadas. Duzentas e dezoito pessoas estão sendo monitoradas em todo o país.

A gripe A (H1N1) é uma doença respiratória causada por um vírus influenza tipo A cujos "ancestrais" causam regularmente crises de gripe em porcos. Ocasionalmente, o vírus vence a barreira entre espécies e afeta humanos. O vírus da gripe suína clássica foi isolado pela primeira vez num porco em 1930. Desde então, o patógeno sofreu novas recombinações e se tornou mais capaz de infectar pessoas.

Os sintomas são normalmente similares aos da gripe comum e incluem febre, letargia, falta de apetite e tosse. Algumas pessoas com gripe suína também tiveram coriza, garganta seca, náusea, vômito e diarréia.


O que fazer para evitar o contágio?

O CDC (Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos EUA) fez algumas recomendações para evitar a doença.
– Cubra seu nariz e boca com um lenço quando tossir ou espirrar. Jogue no lixo o lenço após o uso.
– Lave suas mãos constantemente com água e sabão, especialmente depois de tossir ou espirrar. Produtos à base de álcool para limpar as mãos também são efetivos.
– Evite tocar seus olhos, nariz ou boca. Os germes se espalham deste modo.
– Evite contato próximo com pessoas doentes.
– Se você ficar doente, fique em casa e limite o contato com outros, para evitar infectá-los.

Gripe Comum também mata

Para o secretário a atenção das pessoas em relação às doenças de transmissão respiratória deve ser constante, pois mesmo não sendo uma epidemia como a nova gripe, todos os anos, a gripe comum mata entre 250 e 500 mil pessoas, devido as suas complicações. Para evitar o contágio, algumas medidas devem ser tomadas, tais como:


 1 – Vacinação anual contra a gripe, especialmente para os idosos: a vacina contra a gripe geralmente é aplicada antes de iniciar o inverno. Geralmente a vacina contra a gripe tem uma eficácia em torno de 70 e 90%.

2 – Lavar as mãos: a lavagem correta das mãos é uma das maneiras mais eficazes de se prevenir muitas infecções, inclusive a gripe.

3 – Comer e dormir bem: uma dieta pobre e um sono ruim podem diminuir a imunidade corporal e tornar o organismo mais vulnerável a infecções.

4 – Exercícios físicos: a prática de exercícios físicos regulares fortalece o sistema imune, ajudando a prevenir a ocorrência de infecções em alguns casos.


5 – Evitar multidões durante a época da gripe: a gripe se propaga facilmente onde as pessoas estão aglomeradas, como em creches, escolas, edifícios de escritórios, auditórios e transportes públicos.

Fonte:Silvia Angélica Palma
Jornalista

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios