Notícias Gerais

Saretta participa de debate sobre precariedade das rodovias catarinenses

Florianópolis – Parlamentares, prefeitos, vereadores, comunidade e empresários participaram, em Seara, do Fórum Parlamentar das Rodovias Catarinenses, promovido pela Assembleia Legislativa.

O deputado Neodi Saretta (PT), que participou do fórum,  tem relatado em plenário a situação de algumas rodovias do Estado, disse que grande parte dos 6 mil quilômetros de SCs , precisa de revitalização. “É urgente que se faça um plano de recuperação imediato dessas rodovias. Não podemos mais deixar tantas vidas em risco”. O deputado ainda citou que a SC 283, um dos principais temas do fórum, está em estado lastimável. Na rodovia, que liga Concórdia a Itapiranga, os dados são alarmantes, já que 60% dos acidentes com vítimas fatais em rodovias de Santa Catarina se concentram nesse trecho.

O secretario Estadual de infraestrutura, Valdir Cobalchini, que participou do debate, disse que a SC 283 está entre as prioridades, bem como a construção do contorno viário de Seara, uma reivindicação da comunidade local.

Segundo a prefeita  de Seara, Laci Grigolo, não dá para esperar mais 6 meses para que a SC 283 seja revitalizada e que o contorno viário do município precisa ser feito com  urgência, já que a rodovia corta a cidade.


Durante o debate, foi relatado que, desde a construção da SC 283, há cerca de 30 anos, quase nada foi feito em termos de revitalização. Pelo trecho, segundo dados da Polícia Rodoviária Federal, trafegam  mais de 9 mil carros por dia. E, alem de servir como escoamento da produção das agroindústrias, é também ligação entre os principais balneários de águas termais, afetando diretamente o turismo local.

Os prefeitos e representantes dos 16 municípios da também relataram problemas sérios nas rodovias que cruzam os municípios onde, em muitos trechos, é necessária a recuperação de asfalto, não há acostamento e a sinalização é precária.

O deputado Saretta falou também dos recursos do CREMA 2 para recuperação das rodoviais federais que cortam o estado. Entre as obras do programa estão a execução de 33 interseções e a implantação de 33 quilômetros de terceiras faixas. O orçamento previsto para as obras nas seis rodovias é de aproximadamente R$ 700 milhões.

Susana Rigo


ai/24horas

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios