Notícias Regionais

Recursos para alargar canal do rio Cubatão foram assinados pelo prefeito.

Joinville – O prefeito Carlito Merss viaja a Brasília nesta terça-feira (09/06) para assinar a liberação de recursos para obras do canal extravasor do Rio Cubatão.  "A obra significa proteção para os bairros Jardim Sofia, Jardim Paraíso e Pirabeiraba num possível rompimento da barragem e do atual canal extravasor em função das chuvas", afirmou Cassiano Garcia da Silva, gerente da Unidade de Drenagem da Seinfra (Secretaria de Infraestrutura Urbana).

Em fevereiro de 1995, a barragem rompeu e inundou principalmente o Jardim Sofia e o Jardim Paraíso. Depois desse episódio, o instituto de pesquisa ligado a Universidade de São Paulo, FCTH (Fundação Centro Tecnológico de Hidráulica) realizou estudos para recuperar a barragem e ampliar a capacidade da vazão. A partir desses estudos, projetou-se um trabalho com uma chuva que acontece a cada 50 anos, o chamado tempo de recorrência. "Para essa chuva, dois terços da água vão para esse canal extravasor", explicou Cassiano.

Foi firmado um convênio com o Ministério da Integração e parte da obra foi executada em 1998. Foram 4 km alargados, o que ampliou a capacidade de vazão do rio. A obra da construção do canal foi realizada pelo antigo DNOS (Departamento Nacional de Obras e Saneamento), na década de 60. Mas o alargamento do canal tem um total de 12 km. O Ministério da Integração retomou o convênio. Técnicos da Seinfra encaminharam material fotográfico, quadro de quantidades (o que falta executar, 7km e 800 metros), além de cronogramas físico e financeiro. O orçamento é de R$12.857.382,67.

Para a obra ser realizada será preciso atualizar o projeto, conseguir a liberação ambiental e contratar empresa em licitação. Depois desse processo, o prazo da obra é de 18 meses. "Com a ampliação retira-se qualquer possibilidade do canal romper e de ter alagamento", afirmou o
engenheiro civil da Seinfra, Almir Hoepfner.

Fonte: Secretaria de Comunicação

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo