Notícias Regionais

Projeto Paternidade Responsável com juiz Silvio Orsatto é apresentado ao Prefeito

Balneário Camboriú – Na tarde desta sexta-feira, 03, o prefeito Edson Renato Dias recebeu em seu gabinete o juiz Silvio Dagoberto Orsatto, da Vara da Fazenda de Lages. Na oportunidade, com a presença do procurador jurídico da Prefeitura, Marcelo Freitas, o prefeito conheceu três importantes projetos executados pelo juíz na área de executivo fiscal, projeto Paternidade Responsável e o Protocolo de Padronização e Unificação de Medicamentos.

O Paternidade Responsável, um dos projetos trazidos pelo juiz, deverá ser implantado em Balneário Camboriú em parceria com a Secretarias de Saúde, Educação e Desenvolvimento e Inclusão Social, foi idealizado pelo juiz Silvio Dagoberto Orsatto, preocupado com problemas sociais e principalmente das crianças que são registradas sem o nome do pai. “Muitas crianças nascem, crescem, estudam, constituem famílias, mesmo assim não conhecem seus pais”, explica o magistrado. Outras segundo o juíz, seguem outro caminho, o da criminalidade e consumo de drogas. “São pessoas que apenas sobrevivem, algumas talvez por nunca ter tido um pai como referência”, explica. Por isso, em 2003, o juiz teve a idéia de resgatar a paternidade de uma forma simples, mas que vem mostrando bons resultados na comarca de Lages.

O trabalho é iniciado quando a mãe tem interesse em registrar seu filho com o nome do pai. Procurando o Instituto Paternidade Responsável, essa mãe é atendida por profissionais de diversas áreas, que repassadas as informações sobre o suposto pai, iniciam os contatos para fins de registro. Além do trabalho na procura dos pais, o instituto vai até as escolas, proferir palestras e pequenos teatros com bonecos, ensinando para as crianças lições de cidadania. Para o prefeito Edson Piriquito, o projeto é fantástico e prioriza a constituição das famílias e as crianças crescendo sabendo sobre seus pais verdadeiros.

De acordo com o prefeito, sobre os projetos de Executivo Fiscal, nos próximos dias a Prefeitura reunirá coordenadores, diretores, secretários e profissionais da área, para conhecer os projetos de executivo fiscal. O mesmo vale para o protocolo de Padronização e Unificação de Medicamentos.

Fonte: Assessoría de Imprensa

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo