Notícias Regionais

Prefeito de Itapema assina convênio para investimentos de R$ 41 milhões

Itapema – O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, acaba de lançar o PAC Drenagem, que vai destinar R$ 4,7 bilhões para cidades que sofrem constantemente com enchentes e inundações em períodos de chuva. O prefeito Sabino Bussanello participou da solenidade, realizada no Palácio do Buriti, em Brasília (DF), e que confirmou a inclusão do Município no Orçamento Geral da União com um repasse de R$ 41.220.973,48 para a contenção das enchentes em Itapema.

Segundo o Ministério das Cidades, os recursos vão incrementar os investimentos em saneamento básico do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), com obras de drenagem urbana e manejo de águas das chuvas, beneficiando 109 municípios em 18 estados brasileiros. A verba é oriunda do Orçamento Geral da União, de financiamentos do FGTS e do FAT.

O prefeito Sabino Bussanello assinou o protocolo do convênio juntamente com o Presidente Lula e o Ministro Márcio Fortes, no Palácio do Buriti, em Brasília. Outros 100 prefeitos de diferentes Estados assistiram a cerimônia e também foram beneficiados pelo Programa do Governo Federal. O prefeito embarcou à Capital Federal na manhã desta terça-feira (09), acompanhado pela vice-prefeita, Maria Luci da Silva; pela presidente da Câmara de Vereadores, Nilza Simas Ribeiro; pelo líder do Governo na Câmara, o vereador Luiz Carlos Vieira e pelo secretário de Gestão Urbana, Carlos Germani Santi.

Durante a cerimônia o Presidente Lula enfatizou a triste realizada sofrida pelas populações que sofrem as cheias, especialmente as classes mais pobres e necessitadas. Por sua vez o prefeito Sabino Bussanello comemorou a inclusão de Itapema como uma das cidades beneficiadas pelas verbas do PAC. "Nos últimos meses, depois de sermos vítimas de cinco enchentes consecutivas, viajamos diversas vezes à Brasília, com o projeto de macro-drenagem em nosso município embaixo do braço, na busca de recursos financeiros para que pudessemos realizar esta que será a maior obra dos 47 anos de nossa história", destaca Bussanello.


"Estivemos em diversos ministérios acompanhados pelo deputado Vignatti e pela Senadora Idel i Salvatti. Conversamos com a Ministra Dilma e vários técnicos da Casa Civil. Foram idas e vindas até que conseguissemos fazer com que os olhares do Governo do Presidente Lula mais uma vez se voltassem para as necessidades do povo itapemense", complementa o prefeito itapemense. Nas vésperas de comemorar o seu terceiro ano de mandato o prefeito diz que graças ao resgate da credibilidade junto aos diferentes órgãos e ao empenho de toda a equipe para limpar o nome da Prefeitura de Itapema é que o município conseguiu vencer o descaso público e hoje, enfim, passa a colher os louros de uma admistração que zela pela transparência e pela lisura, que no final de revertem em importantes obras que beneficiem a todos os cidadãos.

Os projetos preveem construção de redes e galerias de águas pluviais, dragagem e canalização de cursos de água, implantação de parques e construção de reservatórios de amortecimento de cheias, também conhecidos como piscinões, entre outras iniciativas.

Na seleção foram priorizados empreendimentos em estágio avançado de planejamento, para possibilitar o rápido início das intervenções. Além disso, foram valorizados projetos de grande impacto para a população local e em consonância com as diretrizes do Programa de Drenagem Urbana Sustentável, dos Ministérios das Cidades e da Integração Nacional.

O Estado de Santa Catarina, por exemplo, que foi fortemente atingido por enchentes de novembro último, receberá o montante de R$ 515,3 milhões. Além de Itapema, Blumenau, Itajaí, Balneário Camboriú, Joinville, Brusque, Biguaçu e Ilhota estão entre os municípios selecionados, de acordo com o Ministério das Cidades.


O prefeito Sabino Bussanello disse agora há pouco, por telefone, que esta cerimônia confirma um momento histórico para Itapema. “Isso garante para todos os cidadãos e cidadãs itapemenses que as obras de macrodrenagem serão, sim, realizadas na nossa cidade. Mais do que isso, é uma prova de que nosso Governo, assim como o Governo Federal, está preocupado em corrigir erros antigos em infraestrutura – e que geram prejuízos incalculáveis às pessoas menos favorecidas”, destacou Sabino, lembrando das cinco enchentes que atingiram Itapema de janeiro de 2008 até abril de 2009.
 
Fonte:Departamento de Comunicação da Prefeitura de Itapema

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios