Notícias Regionais

Portugueses da Ilha do Pico visitam Governador Celso Ramos

ImageGovernador Celso Ramos – Conhecer a cultura açoriana enraizada no município de Governador Celso Ramos foi um dos objetivos de 47 portugueses da Vila das Lajes do Pico de Portugal, em visita realizada na última quinta-feira, 9. A Prefeitura Municipal de Governador Celso Ramos, por intermédio das Secretarias da Educação e Cultura e Desenvolvimento Econômico e Turismo, preparou uma extensa programação para recepcionar os visitantes.

O grupo chegou ao Brasil dia 31 de março e retornou para Portugal no domingo de Páscoa. Passearam por diversas cidades de Colônia Portuguesa do Estado de Santa Catarina como Bombas, Bombinhas, Florianópolis, Itajaí, Tijucas, Sombrio e Governador Celso Ramos.

Entre os passeios conheceram a bela Ilha de Anhatomirim e a histórica Fortaleza de Santa Cruz; a encantadora Baía dos Golfinhos; a primeira igreja edificada no Estado Nossa Senhora da Piedade; além de passearem pelas belas praias do município como Costeira, Caieira, Armação da Piedade, Palmas, Praia Grande e outras.

Entre os atrativos folclóricos apreciaram apresentações culturais do Grupo de Boi de Mamão da Costeira e Fazenda da Armação – Boimacoar  e o Grupo de Terno de  Reis Família Nunes.

O casal Fernando Manuel Simas Goulart, músico, compositor e produtor musical, 55 anos e Idalina do Espírito Santo Ribeiro, fiscal técnica da construção civil, 45 anos, pretende voltar no próximo ano para conhecer um pouco mais do sul do Brasil. “Não há palavras que definam este lugar. É super. Com o intercâmbio cultural trazemos um pouco de nossa cultura e conhecemos realidades diferentes de coisas que já esquecemos. Mais intercâmbios deveriam ser organizados”, opina Goulart. “As pessoas ficam felizes de nos ver, nos receberam de uma forma que ficamos emocionados”, conclui Idalina.

A cantora Ângela Rodrigues, 30 anos, participa do Grupo Folclórico e trabalha com o marido que é pescador. “Sinto-me em casa no Brasil. O povo é acolhedor e simpático. Nossa cultura está enraizada aqui”, declara.

O presidente do Grupo Folclórico da Casa do Povo de São João da Vila das Lajes do Pico e presidente da junta da freguesia (significa vereador do bairro) de São João, José Armindo Alves Gonçalves, organizou o intercâmbio. “É uma troca de experiências entre culturas. Estou encantado com tudo e todas as pessoas formidáveis que conhecemos aqui. Pretendemos voltar e trazer a Banda Filarmônica Recreio dos Pastores”, adianta.

Para o vice-presidente da Câmara Municipal (significa vice-prefeito), Sérgio Renato Azevedo de Souza, o objetivo do passeio é buscar as raízes em Santa Catarina e fortalecer esses laços. “Existem muitas semelhanças como a tourada, o culto do Divino Espírito Santo, Bandas Filarmônicas e o folclore.

Entre os passeios gostaria de ressaltar a história da Ilha de Anhatomirim colonizada pelos portugueses, na Igreja Nossa Senhora da Piedade na qual existe uma igreja com o mesmo nome e imagem da santa na Ilha do Pico, das praias e da gastronomia. Estou encantado com a recepção da comunidade e da forma como comentam dos açorianos. É bom conhecer este lado positivo do Brasil, muito diferente do que é divulgado na Europa. Pretendemos voltar e trazer outros dois grupos, a Banda Filarmônica e o Grupo Coral das Lajes do Pico”.

O grupo fez uma bela e típica apresentação de dança e canto no Catre – Centro Adventista de Treinamento e Recreação. Alegres, interagiram com os presentes. Após um delicioso café colonial preparado pela equipe do centro, o Grupo Terno de Reis Família Nunes do município de Governador Celso Ramos encerrou às apresentações.           

O diretor de Cultura Arli Sagas afirma que o evento enriqueceu os conhecimentos de todos os participantes. “Este intercâmbio cultural foi muito importante para todos. Tentaremos levar nossa cultura para Portugal. Aproveito para agradecer a todos que colaboraram com este maravilhoso encontro”, declara.

Segundo a Secretária de Educação e Cultura, Azenir Porto Soares, a Prefeitura Municipal oferece suporte para manter as atividades culturais no município. “Todos os eventos realizados em nossa cidade são apresentados grupos de Boi de Mamão, Terno de Reis, Ratoeira, Pau de Fita e diversos outros. Trabalhos artesanais como o crivo também são confeccionados aqui. Nossa cidade respira cultura açoriana, por isso que estamos envolvidos o tempo todo com tanta riqueza. Mostramos para nossos visitantes que aqui em Governador Celso Ramos a cultura açoriana é mantida com muito carinho”, diz Azenir.  

O Prefeito Municipal de Governador Celso Ramos, Anísio Anatólio Soares, se empenha em manter viva a cultura açoriana no município. “Onde há cultura, há educação, há turismo, há vida. Por isso que devemos manter as tradições em nosso município. Receber a visita Grupo Folclórico da Ilha do Pico foi muito importante para fortalecer nossa identidade cultural, além da troca de experiências.

Em 2007, sediamos o enriquecedor evento do 14º Açor – Festa da Cultura Açoriana que reuniu mais de 40 municípios do Estado de Santa Catarina. Foram mais de 30 mil pessoas que conheceram nossa cultura. A Prefeitura Municipal investe em eventos e encontros como este. Na ocasião, conheceram um pouco da história da colonização portuguesa, a construção da Capela Nossa Senhora da Piedade e a Ilha de Anhatomirim, os costumes e a cultura. Tentaremos futuramente firmar um intercâmbio com eles”, adianta o prefeito Anísio.

Fonte:Cristiane Toschi
Assessora de Comunicação

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo