Notícias Regionais

Poesias estimulam ensino da Língua Portuguesa na escola Waldemar Kleinubing

Videira – Encontrar alternativas para que o aprendizado seja prazeroso e conteúdo assimilado com mais facilidade pelos estudantes, têm sido metas perseguidas e alcançadas pelos professores da Rede Municipal de Ensino de Videira.

Na Escola Municipal Waldemar Kleinubing, as aulas de Língua Portuguesa comandadas pela professora Silvia Bruneta, apostaram na leitura e criação de poesias para estudar os gêneros textuais. Após conhecerem poesias e autores como Sérgio Caparelli e Cecília Meirelles, os estudantes identificaram as diferentes configurações, e com características próprias produziram seus textos. “A poesia é um tipo de texto que proporciona trabalhar o exercício da imaginação, da fantasia e da criatividade. A sua leitura promove o desenvolvimento da linguagem e o hábito de ler”, ressalta a professora Silvia Bruneta.

Para o secretário municipal de Educação Roberto Maraschin Primo, as aulas criativas e estimulantes que os alunos da Rede Municipal tem recebido, são reflexos do comprometimento dos professores e do investimento que a Administração tem feito na capacitação continuada dos docentes. “Professor atualizado transforma as aulas e contribui com a qualidade de ensino no nosso município”, diz.

Acompanhe uma das poesias produzidas durante as aulas, pelo aluno Hiago Michel Strapazzon.
A CASA

A casa tem que ter um banheiro,
uma cozinha e um cozinheiro.
A casa tem que ter uma sala com mobília,
Para reunir a família.

A casa tem que ter um telhado,
para quando chover, não ficar molhado.
A casa tem que ter uma cama confortável,
para quando dormir, ter uma noite agradável.

A casa tem que ter um sofá para descansar,
E um belo jardim, para o meu cachorro brincar.
A casa tem que ter um portão,
para que não entre nenhum ladrão.

A casa deve ter tudo de bom,
Uma comida boa e, de sobremesa um bombom!
E essa casa saiu da minha imaginação!

Fonte : Silvia Palma – Assessora de Comunicação
Foto: Arquivo FMEV

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo