Notícias Gerais

Obra da duplicação da avenida Santos Dumont em Joinville

Joinville – O programa Pacto por Santa Catarina começa a solucionar um dos principais gargalos para o trânsito e o desenvolvimento do município de Joinville. O governador Raimundo Colombo e o secretário da Infraestrutura, Valdir Colbalchini, entregaram a ordem de serviço para a duplicação da avenida Santos Dumont. O trajeto dá acesso a indústrias, empresas, universidades, ao aeroporto e a outros estabelecimentos comerciais. “É uma obra que mostra o compromisso do Governo com a maior cidade do nosso Estado”, afirmou o governador.

Em horários de pico, como o momento em que foi realizado o ato – 18h, em terreno ao lado da avenida, milhares de motoristas joinvillenses enfrentam longas filas para voltar do trabalho ou ir estudar na região. Ao fundo da cerimônia, era possível observar as filas que agora ficam mais próximas de acabar. Com essa duplicação, que será entre a Rua Dona Francisca e o aeroporto em um trecho de oito quilômetros, será eliminado o afunilamento que ocorre no término da avenida João Colin, quando o tráfego passa de duas para uma pista. Também participaram da cerimônia o senador Luiz Henrique da Silveira, o prefeito de Joinville, Udo Dohler e a secretária de Desenvolvimento Regional de Joinville, Simone Schramm.

Hoje, o desenvolvimento de todo o trecho compreendido pela duplicação é prejudicado pela falta de infraestrutura. As obras vão fornecer condições muito melhores para a atração de novos empreendimentos, por exemplo. As obras devem começar no máximo em 30 dias e vão iniciar no trecho entre o cruzamento com a rua Tuiuti e o aeroporto. “Estamos trabalhando em parceria com a prefeitura para cumprirmos todos os prazos e conseguirmos entregar a obra o mais rápido possível. Vamos eliminar que estrangula o transito em Joinville”, disse Cobalchini.

Parte significatica das desapropriações já foi feita, cerca de 30 estão acordadas. Delas, 19 foram doações de empresas que cederam a parte do terreno para acelerar a execução da obra e também por saberem que a a conclusão da duplicação vai melhorar a logística de seus negócios e valorizar o restante dos terrenos.


O projeto prevê duas pistas em cada sentido, com três faixas em alguns trechos de maior movimento, e dois elevados nos principais cruzamentos da Santos Dumont, com as ruas Tuiuti e Arno Dohler. Os demais cruzamentos importantes terão rotatórias. E toda a avenida terá canteiro central e ciclovia. O investimento é de R$ 47,9 milhões, com prazo para a execução do trabalho de 24 meses. O ato foi realizado às 18h, na própria avenida Santos Dumont, número 1.355, no bairro Santo Antônio.

Além da duplicação da avenida, o governador autorizou ainda o lançamento do edital para elaboração dos projetos dos elevados nos cruzamentos da Santos Dumont com as ruas Tuiuti e Arno Dohler. A execução dessas duas obras tem um custo estimado de R$ 18 milhões. Os elevados servirão para impedir a formação de novos pontos de congestionamento na entrada e saída de veículos da avenida.

ai/UNO


Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios