Notícias Gerais

No sul temporais são provocados pelo ciclone extratropical

Nesta terça-feira, um ciclone extratropical e uma frente fria avançam rapidamente pela Região Sul e provocam pancadas de chuva e trovoadas no sudoeste do Paraná, oeste de Santa Catarina e em boa parte do Rio Grande do Sul. De acordo com os meteorologistas da Somar, as chuvas serão generalizadas e poderão acumular até 40mm no oeste do Rio Grande do Sul. Já em Santa Catarina e Paraná, o acumulado não chega a 10mm em 24 horas.

Apesar do baixo acumulado, as chuvas virão acompanhadas de ventos intensos, com mais de 100km/h no Rio Grande do Sul e no oeste de Santa Catarina e do Paraná. Além disso, não se descarta a possibilidade de queda de granizo no oeste gaúcho. Por conta dos fortes ventos que sopram de norte, a temperatura dispara e chega a 25°C no leste e centro do Rio Grande do Sul e no noroeste do Paraná e a 22°C no oeste de Santa Catarina.

No Sudeste, Centro-Oeste, interior do Nordeste e sul da Região Norte, o tempo permanece seco e ensolarado. A temperatura entra em elevação no Sudeste e a máxima chega a 22°C na maior parte da faixa leste da Região e alcança os 31°C no oeste e norte de Minas Gerais e no norte de São Paulo. Nas demais Regiões as temperaturas permanecem muito elevadas e com baixa umidade do ar. As chuvas fracas e isoladas atingem apenas o leste e norte do Nordeste e o centro e norte da Região Norte.

Litoral
O ciclone extratropical deixa o mar bastante agitado nesta terça-feira no Sul do País. A previsão indica rajadas de até 100km/h no sul do Rio Grande do Sul e 90km/h no norte do Estado. Em Santa Catarina as rajadas chegam a 70km/h e na costa do Paraná a 55km/h. Já as ondas chegam a 3m de altura no sul gaúcho.

Países vizinhos
A frente fria e o ciclone extratropical também provocam chuvas e ventos fortes em boa parte da Argentina, Paraguai e Uruguai nesta terça-feira. Segundo os meteorologistas da Somar, o acumulado chega a 70mm na região de Montevidéu, 50mm no centro e leste da Argentina e mais de 30mm no centro e leste do Paraguai. As rajadas de vento também serão intensas e podem passar dos 100km/h nessas localidades.

ai/UNO

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo