Notícias Regionais

Itapema sem fila na mamografia

Itapema – A cinco dias da celebração do Dia das Mães, o Governo de Itapema traz uma excelente notícia às mulheres: a Secretaria Municipal da Saúde atingiu a marca histórica de ZERAR a fila da mamografia. O resultado foi confirmado após o credenciamento de nova clínica na cidade, neste ano, que garantiu mais celeridade aos atendimentos.

Apesar de ser um exame em que a maioria das cidades é dependente do Estado na obtenção de vagas, Itapema resolveu assumir e bancar estes exames com recursos municipais – já que as vagas oferecidas pelo Governo do Estado são insuficientes.

Quando o Governo Sabino Bussanello assumiu o comando do Município, em julho de 2006, mais de 400 mulheres aguardavam, na fila de espera, a oportunidade de realizar o exame de mamografia. Algumas sequer conseguiam obter essa chance, mesmo após esperar até seis meses. Ao final de 2008, esta fila já havia diminuído consideravelmente, com acúmulo de cerca de 200 exames, e com espera de até 3 meses.

Com os novos contratos efetivados pela Diretoria de Planejamento, Auditoria e Controle da Secretaria Municipal de Saúde, o Governo Municipal conseguiu, neste mês, ZERAR a fila de espera dos exames de mamografia. Mesmo para os pedidos dos médicos da Rede SUS, a espera não deverá ser maior do que 10 dias – sendo este o tempo hábil mínimo para agendamento dos exames.

“Em algumas situações, planos de saúde tem fila de espera de mais de 40 dias para a realização desse exame. Vamos chegar a um padrão de excelência, com espera de cerca de 10 dias, que é o prazo burocrático muito bom para a realização de um procedimento ambulatorial”, comemorou o secretário municipal de Saúde, Roberto Carlos Ruiz. “Infelizmente, a realidade de boa parte dos municípios continua sendo pela espera maior a quatro meses”, completou o secretário.

Outra prioridade, conforme Ruiz, é incrementar as parcerias com a sociedade civil. “Isto vem sendo feito com a Rede Feminina de Combate ao Câncer, composta por mulheres da nossa cidade, que fazem um serviço voluntário e exemplar para a sociedade”, destacou.

A secretaria reconhece que ainda tem inúmeras tarefas a cumprir, como, por exemplo, efetivar todos os aprovados no concurso público realizado em março. Isso irá reduzir o atual problema de alta rotatividade de pessoal, “em especial de médicos, o que acaba dificultando a oferta de atendimento em algumas áreas da cidade”, disse o secretário.

Isso deverá estar regulado em um prazo de mais 60 dias, apesar da crise econômica que assola o mundo e já reflete em Itapema. Um dos exemplos é a baixa de repasse financeiro de recursos federais, o que inviabiliza parte dos investimentos da pasta.
            
Fonte:Departamento de Comunicação da Prefeitura de Itapema

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo