Notícias Regionais

II Etapa Pálio do Vinho em Videira

Videira – As cinco comunidades do interior que disputam a 6ª Edição do Pálio do Vinho voltam a se enfrentar no próximo domingo (28), durante a segunda etapa da gincana cultural, quando ocorrem as provas competitivas. O evento, promovido pela Prefeitura de Videira através da Secretaria de Turismo e Cultura, acontece na comunidade de São Pedro. “A primeira etapa da competição já foi um sucesso. Estamos com uma grande expectativa para as provas competitivas e esperamos que a população videirense prestigie o evento”, afirmou o secretário da pasta – Clemir Schmitt.

Durante o desfile de escolha da rainha do Pálio do Vinho, realizado no último dia 6, as equipes participantes realizaram as duas primeiras tarefas da competição. Cada candidata a rainha apresentou uma fotografia emoldurada da igreja da sua comunidade e contou sua história. Além disso, os casais de “nono e nona” tiveram que mostrar um traje de batizado usado por um integrante da comunidade.

A segunda etapa do Pálio do Vinho se resume às provas competitivas, incluindo a que dá nome a competição e consiste em fazer engarrafamento do liquido proveniente do esmagamento das uvas com os pés. Nesta etapa, todos os competidores deverão estar trajados de agricultores, com botas de borracha e chapéu de palha. “A comunidade vencedora leva o prêmio de R$ 1,5 mil e o direito de sediar a competição no próximo ano, contudo, todas as equipes participantes receberão prêmios em dinheiro, de acordo com sua colocação, além dos troféus”, explicou Schmitt.  

Festa do Padroeiro


No domingo (28), a comunidade de São Pedro comemora o dia do seu Padroeiro. As festividades terão início às 8 horas com a Santa Missa, logo após, terá início a competição do Pálio do Vinho. Como é de praxe, a comunidade está preparando um delicioso almoço e quem quiser almoçar no local poderá comprar o seu churrasco. As comemorações terão continuidade no período da tarde.

História

O Pálio do Vinho é o processo de colheita, esmagamento e engarrafamento do sumo produzido no processo de pisar a uva com os pés, a exemplo dos primórdios da fabricação do vinho. Assim, as comunidades se reuniam e festejavam a boa colheita com a realização de competições que culminavam com a corrida ou pálio do vinho. Com o intuito de resgatar tradições, em 1999, durante a Festa da Uva, foi realizada a primeira edição da gincana, intitulada Pálio do Vinho. Em 2010, a pedido do prefeito Wilmar Carelli, a competição voltou a ser realizada no município, com uma nova proposta de parceria com as comunidades do interior e de forma itinerante.

ai/UNOPress


Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios