Notícias Regionais

Hospital paga mais de R$ 5 milhões em dívidas

Joinville – O Hospital Municipal São José acumulou até o início deste ano dívidas que somavam R$ 18 milhões, só com fornecedores eram R$ 12,5 milhões. Para diminuir o rombo financeiro do hospital, deixado pela gestão anterior, a Prefeitura assumiu a folha de pagamento integral dos funcionários e fez repasses para dar fôlegos às contas. As medidas tomadas pela atual
administração tem surtido efeito e neste primeiro semestre mais de R$ 5 milhões da dívida já foram pagos.

Segundo o diretor executivo do São José, Renato Monteiro, a direção priorizou pagamentos a empresas que ainda fornecem para o hospital e que vendem mercadorias com maior volume de consumo, como medicamentos e material médico. Já em relação aos antigos fornecedores, está sendo feito um levantamento das contas antigas e para saber quais já prescreveram.

As dívidas são separadas em dois períodos: entre 1994 e 2006, que acumulou o total de R$ 3,5 milhões, sendo que algumas dessas empresas não existem mais ou não fornecem mais para o São José, e o período de 2007 até o início de 2009, com o total a pagar de R$ 12,5 milhões.

Assim, o restante da dívida com fornecedores ainda é de R$ 11 milhões. Os pagamentos feitos serviram para que outras empresas se interessassem em vender para o hospital e com preços mais baixos.

Um exemplo de economia foi com a compra de material médico, em que na licitação o valor estipulado era de R$ 2,5 milhões. O hospital conseguiu baixar o preço para R$ 2 milhões, economizando meio milhão.

Para ajudar no processo de regularização das contas e averiguação dos problemas do hospital, a Secretaria Municipal de Saúde irá contratar uma empresa de auditoria nas áreas financeira, contábil e jurídica, referentes a 2008. Também será adquirido um software de gestão hospitalar para controlar com precisão todas as informações do São José, inclusive compras e pagamentos.

Fonte : Renato Monteiro
Secretaria de Comunicação (Prefeitura Municipal de Joinville)

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo