Notícias Gerais

Frio e vento provocam sensação de 16° negativos na região sul

Tempo seco predomina no País, com exceção da Região Norte, onde já chove forte

Um ciclone extratropical permanece muito próximo da costa do Sul do Brasil, onde provoca algumas pancadas de chuva e ventos fortes. Durante a madrugada desta quarta-feira, as cidades de Inácio Martins, no Paraná, Indaial, em Santa Catarina e Mostardas, no Rio Grande do Sul, registraram rajadas de mais 35km/h. Em Tramandaí, no litoral norte do Estado gaúcho, os ventos chegaram a quase 45km/h e em Urubici, na serra catarinense, as rajadas atingiram quase 65km/h.

Além do ciclone extratropical, uma forte massa de ar polar derrubou as temperaturas. Por conta dos ventos, a sensação de frio é muito mais intensa. Entre 3h e 4h da madrugada, os termômetros registraram 4,3°C em Inácio Martins, mas com as rajadas de mais de 35km/h, a sensação térmica chegou a 9°C abaixo de zero. No mesmo horário, Urubici marcou 2,2°C, mas o vento transformou em uma sensação de 16°C negativos.

Já a frente fria associada ao ciclone perdeu força e hoje provoca mais nuvens do que chuva entre o Sudeste e o Centro-Oeste. Na maior parte do Nordeste, o tempo também está seco nesta manhã, salvo por nuvens mais carregadas na costa norte, entre o Ceará e Maranhão. Já na Região Norte, áreas de instabilidade causam pancadas de chuva e trovoadas em boa parte dos Estados, com destaque para o Pará, Amazonas e Roraima.


Somar/UNO

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios