Notícias Regionais

Famílias deixam suas casas por causa de deslizamentos em Blumenau

Defesa Civil de Blumenau registrou seis ocorrências graves. Famílias tiveram que deixar suas residências por causa de deslizamentos.

Blumenau – A chuva forte que caiu durante a noite foi o suficiente para causar estragos em Blumenau. De acordo com relatório da Defesa Civil, choveu 51 milímetros em uma hora. Em alguns pontos da cidade, esse número foi superior como nos bairros Garcia e Glória, onde foram mais de 60 milímetros em um curto período. Ao todo, foram seis ocorrências graves e duas famílias tiveram que deixar suas residências.

Assim como no temporal de janeiro, a região Sul da cidade foi a mais castigada. O caso mais grave foi registrado na rua Inácio Busnardo, uma transversal da rua Araranguá, no bairro Garcia. Um deslizamento de terra acabou invadindo uma residência e atingiu a parede da cozinha. A família foi retirada do local pela Defesa Civil e encaminhada para a casa de parentes.

Outro caso grave foi registrado na rua Maceió, uma transversal da rua Amazonas, no bairro Garcia. A garagem de uma casa foi atingida por uma grande quantidade de terra. A família também foi orientada a deixar a residência em função do perigo iminente. De acordo com a Defesa Civil, não houve necessidade de acionar a abertura de um abrigo, já que todas as pessoas atingidas pela chuva foram acolhidas por vizinhos ou parentes.

Outra ocorrência de destaque foi registrada na rua Eduardo Day, no bairro Valparaíso, onde uma tubulação rompeu, ocasionando a abertura de uma buraco na pista deixando dois carros isolados. Profissionais da Secretaria de Serviços Urbanos estão no local nesta quinta-feira, dia 12, realizando o conserto do pavimento e a retirada dos veículos. Nenhum dos carros foi afetado e os proprietários não estavam no local no momento do estrago.

Ainda na manhã de hoje, o Secretário de Serviços Urbanos Rafael Jansen reuniu as equipes para fazer uma avaliação dos pontos mais críticos. Segundo ele, será realizada uma força tarefa para realizar a limpeza das vias. “Vamos parar outras frentes de trabalho para focar na manutenção da cidade”, conta Rafael. O foco será a rua Araranguá onde calçamentos e tubulações terão que ser recuperados.

Felipe Rodrigues
ai/UNOPress

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo