Notícias Regionais

Crianças trocam experiências com antropóloga em Laguna

Laguna – Eles são filhos de pescadores, moram na beira da lagoa e com a pouca idade que tem já podem ensinar muita coisa. A antropóloga Brisa Catão Totti percebeu o conhecimento sobre pesca dos estudantes da Escola de Educação Básica Francisco Zezuino, da Ponta da Barra, os observando para seus estudos. Moradora na comunidade há três meses, desenvolve pesquisa ligada à antropologia da ciência, da técnica e aos estudos humano-animal pela Universidade Federal de Santa Catarina.

Nesta semana, passou a tarde conversando com as crianças, de 7 a 12 anos. Com fotos, documentário e uma réplica do boto levou seu conhecimento técnico. Das crianças conheceu a experiência do cotidiano entre barcos, maré, corrente marítima, vegetação, botos, tainhas e vento.

O aluno Miguel levou a tarrafa confeccionada pelo avó e soltou no pátio da escola. Outros contaram sobre os dias melhores para pescar anchova e tainha, também quais os melhores pontos e maneiras de conseguir um bom peixe.

“Foi uma troca de experiência incrível. As crianças ficaram encantadas e, ela, pelo pequenos”, conta o gestor Júlio David.


Uma exposição de fotos com os moradores deverá ser organizada pela escola e a pesquisadora.  

ai/UNOPress

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios