Notícias Gerais

Bancada petista consultará Lula sobre defesa do afastamento de Sarney

Brasília – A bancada do PT no Senado conversará com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, antes de se decidir sobre a possibilidade de defender o afastamento de José Sarney (PMDB-AP) da presidência do Senado.

Hoje (1º), pela manhã, o líder do PT, senador Aloizio Mercadante (PT), e a líder do governo no Congresso, Ideli Salvatti (PT-SC), aconselharam o peemedebista a se afastar provisoriamente, por 30 dias, do cargo até o fim das investigações, mas a sugestão não foi acatada por Sarney.

Segundo Mercadante, Sarney “não demonstrou a disposição” de deixar o cargo. O líder petista afirmou que o presidente do Senado também deve conversar com Lula para decidir  seu futuro político. “A sugestão que fizemos era de que ele se afastasse temporariamente enquanto nós tivéssemos a conclusão dos trabalhos da comissão [suprapartidária, proposta ontem, 31, pela bancada do PT] para que a gente pudesse, junto com outros senadores, promover essa profunda reforma”, afirmou.

“Ele não demonstrou essa disposição [de se afastar], mas nos disse que está aberto a constituir, no colégio de líderes, essa comissão”. A criação de uma comissão suprapartidária, composta por senadores e alguns servidores da Casa foi proposta ontem (31) à noite pelos petistas, após reunião da bancada.

Mercadante minimizou as críticas feitas a Sarney dizendo que a responsabilidade pela crise não é apenas do peemedebista e aproveitou para criticar o DEM, que sempre esteve à frente da 1ª Secretaria do Senado. “Foram muitos presidentes, e a 1ª Secretaria, que sempre foi comandada pelo DEM, tem essa responsabilidade administrativa.”

Fonte: Ivan Richard/ABr

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo