Notícias Regionais

200 câmeras de videomonitoramento em Joinville

Joinville – 200 câmeras digitais de videomonitoramento urbano serão implantadas em Joinville. Os equipamentos serão entregues em quatro lotes. O primeiro vai disponibilizar a instalação de 50 equipamentos em até 120 dias, e vai atender 19 bairros, com o investimento de R$ 800 mil. O ato de assinatura foi realizado durante a posse da Associação Comercial e Industrial de Joinville – Acij.

“Vamos ampliar ainda mais a nossa ação em relação à Segurança. Os equipamentos funcionam como uma importante ferramenta de apoio ao policiamento, que agrega tecnologia e modernidade. Permite ainda  à polícia se antecipar aos fatos, mapear as zonas de risco, identificar e prender os criminosos. A experiência que temos nos municípios já atendidos demonstra que os ganhos são extraordinários.”, afirmou o governador.

A iniciativa faz parte da segunda etapa do Programa Bem-Te-Vi – Segurança por Videomonitoramento, que integra o Pacto pela Segurança.  Hoje, Joinville conta com 41 aparelhos analógicos em operação.

Os novos equipamentos vão atender os bairros Adhemar Garcia, América, Anita Garibaldi, Atiradores, Aventureiro, Boa Vista, Boehmerwald, Centro, Fátima, Guanabara, Iririú, Itaum, Jardim Iririú, Jardim Sofia, Jardim Paraíso, Paranaguamirim, Pirabeiraba, Nova Brasília e Vila Nova. Os pontos de instalação das câmeras foram definidos pela Secretaria Municipal de Proteção Civil e Segurança em conjunto com a Polícia Militar.

O coordenador do Programa Programa Bem-Te-Vi – Segurança por Videomonitoramento, Vânio Luiz Dalmarco informou que Santa Catarina conta hoje com cerca de 1.380 câmeras em 51 cidades. A previsão é de que até o final de 2014 mais de 60% dos municípios catarinenses sejam atendidos com sistema.

“As câmeras inibem a prática criminosa e agilizam o tempo de resposta no atendimento às ocorrências. Elas são instaladas principalmente em locais com grande movimentação de pessoas, como praças, próximas a agências bancárias e escolas”, explicou o coordenador.

Elisabety Borghelotti/SECOM
TMF Sistemas de Segurança/ai/UNO

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo