Criação de Sites


Moda Feminina

Moda Latine

Agricultores de Criciúma orgulham-se do trabalho no campo

Criciúma - Para tirar o sustento da família, a agricultora Loiva Perdoná César, sempre trabalhou na área rural do município de Criciúma. Moradora do bairro Capão Bonito, ela conta que no dia que o calendário celebra o dia do agricultor, ela tem motivos de sobra para se orgulhar da profissão que escolheu exercer. “Sou neta, filha e mulher de agricultor e não abro mão de ser também. Adoro o que faço”, comenta.

Moda Latine

Sua principal produção é a plantação de banana e hortaliças. Loiva tem uma produção de mais de 30 tipos de frutas e verduras entre elas, laranja, maçã, abacaxi, goiaba, alface e temperos. “Fico feliz por ter quatro filhos e saber que os dois homens também estão seguindo este ramo”, comenta.

Ela faz parte de um grupo de homens e mulheres que trabalham todos os dias para levar alimento para a mesa das pessoas. Este grupo é formado por cerca de 900 famílias que dependem diretamente da agricultura como fonte de renda para sobreviver em Criciúma.

De acordo com o médico veterinário do Governo do Município Saulo Da Boit Goulart, as atividades de maior importância para cidade são as produções de banana, aipim, arroz, feijão, batata inglesa,fumo,hortaliças e leite. “A banana é a maior fonte de receita do setor primário de Criciúma”, conta.

Segundo o engenheiro agrônomo do município, Fernando LockSilveira, na zona rural de Criciúma estão plantados aproximadamente cerca de 290 hectares de arroz, 155 hectares de hortaliças, 512 hectares de milho, 252 hectares de feijão, 100 hectares de aipim e 800 hectares de banana. Por mês é produzido cerca de 500 mil litros de leite.

Jessica Rosso
ai/UNO

Moda Latine
Seu Signo
Tempo em SC
Nível Rio Itajaí